As eleições municipais começam a se aproximar e o acirramento político está aumentando na Câmara Municipal de Vitória da Conquista (CMVC). Durante a sessão desta sexta-feira(17), houve uma discussão entre os vereadores Edjaime Rosa Bibia (MDB) e Cícero Custódio (PSL) devido a autoria de indicações e obras para a população.

O desentendimento aconteceu durante o pronunciamento de Bibia que pedia a recuperação de estradas da região de Maria Clemência, zona rural do município. O vereador questionou a atitude de colegas (sem citar nomes) que fizeram a mesma indicação. “Estou vendo aqui indicações que eu já pedi para retirar. Parece que não conhece o trabalhador do vereador  e nem a região”, disse.

Imediatamente, Cícero Custódio, que faz parte da mesa diretora da Câmara, começou a retrucar (a fala não foi capitada pelo microfones), e Bibia (que fazia uso da tribuna) disparou: “Colega vereador, se a carapuça está servindo, o senhor que faz parte dessa mesa poderia ser mais educado e retirar a indicação”. E completou: “Quero saber que poder todo é esse que você tem, e se a presidência não vai tirar a indicação”.

Os ataques de Bibia a Cícero continuaram. “Tem vídeos do senhor, na região, entrando e saindo do “Minha Casa, Minha Vida” como se fosse autor”, disse. “Fica pongando nas obras. Ali é do Governo Federal. Não pertence a nenhum vereador”, disparou.

O presidente da Câmara, Luciano Gomes (PR) conteve a discussão acalmando Cícero: “O vereador não citou nomes”, disse. O vereador Cícero Custódio se retirou do plenário em tom de protesto.

Fonte: Blitz Conquista