A sessão ocorre na sexta-feira (9), às 18h, no Palácio dos Esportes

O presidente do Tribunal de Justiça Desportiva da Bahia (TJD-BA), Hélio Menezes, confirmou hoje a data da realização do julgamento do caso Ba-Vi no pleno do órgão. A sessão ocorre na sexta-feira (9), às 18h, no Palácio dos Esportes.

O primeiro julgamento, ocorrido no último dia 27 de fevereiro, condenou o Vitória a pagar R$ 100 mil por ter forçado o encerramento do jogo e livrou o clube da pena de rebaixamento e exclusão do Campeonato Baiano.

No pleno, serão julgados recursos do rubro-negro e também do Bahia, que apresentou um laudo contra o Leão da Barra com indícios de que o técnico Vagner Mancini havia dado ordem para os jogadores forçarem expulsões e encerrar a partida. O tricolor ingressou com pedido para ser classificado como terceiro interessado no processo, mas os auditores negaram a solicitação.

No domingo passado (4), Bahia e Vitória tiveram sucesso ao pedir efeito suspensivo dos atletas envolvido na briga no clássico. As penas de Kanu (10 jogos de suspensão), Yago, Rhayner, Denilson, Edson e Rodrigo Becão (oito jogos), foram suspensas até o julgamento dos recursos no pleno.

Fonte: Metro 1