O Tribunal de Contas dos Municípios do Estado da Bahia intimou o prefeito Herzem Gusmão Pereira, do Movimento Democrático Brasileiro, para entregar documentos referentes ao Exercício 2019 que ainda não chegaram ao órgão, a respeito do Diário Oficial Eletrônico da última semana.

Ele ainda tem doze dias para organizar o processo. Conforme o TCM, “o gestor que deixar de atender à notificação será considerado revel pelo TCM/BA para todos os efeitos, dando-se prosseguimento ao processo nas condições que se encontrar”. Com informações do Blog do Anderson.