A Bahia é um dos estados que mais tem investido na área da educação, segundo o deputado estadual Fabrício Falcão (PCdoB). Ele rebateu críticas à política de educação do governo estadual e ressaltou que o desenvolvimento da educação é um dos grandes desafios para a gestão pública. “Garantir educação pública e de qualidade é um compromisso nosso. Somente em 2021, a gestão do governador Rui Costa destinou quase R$ 5 bilhões para construção, ampliação e modernização de escolas estaduais”, detalha o parlamentar.

Fabrício destacou ainda a convocação do concurso para professores e coordenadores pedagógicos, projetos de acesso e permanência dos estudantes na escola, como o Bolsa Presença e o Mais Estudo, além de ações de formação de professores. “Por exemplo, em janeiro deste ano o Estado liberou a nona parcela do Bolsa Presença. São R$ 150 reais para as famílias dos estudantes da rede estadual de ensino. Estamos atendendo 370 mil famílias e 420 mil estudantes. Até agora, foi investido cerca de R$ 390 milhões nesse projeto”, informa Fabrício. O deputado pondera que os números de abandono escolar no Ensino Médio da rede estadual caíram e o de frequência aumentaram, ficando inclusive acima da média nacional.

De acordo com a Secretaria de Educação da Bahia, a rede estadual alcançou o melhor Índice dede Desenvolvimento da Educação Básica (IDEB) na série histórica para o Ensino Médio, ou seja, desde que este indicador foi lançado, no ano de 2005. A rede saltou de 2,7 (2017) para 3,2 (2019). O dado foi divulgado, pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (INEP/MEC). *Blog do Sena.