Na manhã desta sexta-feira, 25, durante a Sessão Ordinária da Câmara Municipal de Vitória da Conquista, o vereador líder da Bancada de Oposição, Valdemir Dias (PT), se solidarizou e repudiou radialistas que teriam agredido verbalmente duas professoras do Simmp, durante uma entrevista. “Quem não tem argumento passa para a agressão. A rádio é uma concessão pública e tem que respeitar o estado democrático, assim como, na política, temos que ouvir todos os lados. Não houve motivo para isso, por isso vamos aprovar essa Moção de Repúdio”, disse.

Valdemir lembrou que a luta dos professores é legítima: “estão tentando manter o que já existia. Não é para avançar a pauta, é para manter o que tinham”. Ele lembrou que a tabela foi achatada e explicou que os professores que entram hoje no município ganham o mesmo daqueles que estão lá há 20 anos.

“Votamos contra a criação de 42 novos cargos de livre nomeação. Passou, mas não com o nosso voto da oposição. Não falta recurso para cargos comissionados, porém para o professor falta e é isso que leva os professores às ruas. As perdas dos professores começaram em 2017, e de lá para cá, só perda. Aumento de 33% só é dado na base da tabela, a reivindicação é mais que justa”, finalizou.