A cantora baiana Margareth Menezes e o acordeonista cearense Waldonys já estão em Roma. Os artistas vão se apresentar neste domingo, 13, na Praça São Pedro, no Vaticano, momentos antes da cerimônia de Canonização de Irmã Dulce, prevista para às 10 horas (horário local). Eles irão cantar um hino especialmente composto para a Santa baiana.

“Eu vou falar e não vou conseguir traduzir em palavras, porque é uma emoção muito grande. Meu coração é só gratidão. É o evento mais importante da minha vida”, comemorou o músico cearense.

Já para Margareth Menezes, que chegou a ser vizinha de Irmã Dulce, o evento é histórico. “É um momento especial para todos nós. É um momento sagrado para a Igreja Católica. Traz uma mensagem de fraternidade que atente a todos”, pontuou a cantora.

O Arcebispo de Salvador e Primaz do Brasil, Dom Murilo Krieger, também está presente no Vaticano para participar do momento solene. “Vim com espírito de fé. Desde já, o coração começa a bater um pouquinho mais acelerado, e com razão. É algo que a gente só vai entender mesmo daqui a muito tempo”, comemorou.

Neste sábado, 12,  aconteceu o ensaio geral para a celebração solene. Além da Santa Dulce dos Pobres, outros quatro beatos serão canonizados: John Henry Newman, inglês, fundador do Oratório de São Felipe Neri, na Inglaterra; Margarida Bays, suíça, terciária da Ordem de São Francisco de Assis; Josefina Vannini, italiana, fundadora das Filhas de São Camilo e Maria Teresa Chiramel Mankidiyan, indiana, fundadora da Congregação das Irmãs da Sagrada Família.

O acesso ao local das apresentações foi restrito para resguardar as surpresas.

Fonte: A Tarde