Leia a nota na íntegra:

A crise do transporte público em Vitória da Conquista já dura anos e, mais uma vez, os impactos negativos ficam nas costas da classe trabalhadora. No início do mês de outubro, uma decisão do Tribunal de Justiça da Bahia (TJ-BA), que reconheceu irregularidades no processo de licitação da empresa Cidade Verde.

Desta vez, 450 trabalhadoras e trabalhadores foram demitidos após o encerramento das atividades da Viação Cidade Verde na cidade. Segundo informações, nem metade desses trabalhadores foram contratados pela nova empresa que está operando no município.

O Sindicato dos Bancários de Vitória da Conquista e Região se solidariza com a categoria e com a população conquistense, que também tem sofrido com a péssima qualidade do serviço prestado.

Em meio a pandemia, que tem agravado a crise econômica, política e social em nosso país, é inaceitável que a Prefeitura tome uma medida que coloque na fila do desemprego mais de esse grande número de trabalhadoras e trabalhadoras.