As imagens de filas que viralizaram em redes sociais davam o tom da expectativa. E o número das vendas no fim do dia confirmou empolgação do torcedor do Flamengo com o novo uniforme 1, que chegou às lojas nesta sexta-feira. O primeiro dia encerrou com cerca de 15 mil camisas comercializadas, com destaque para Brasília. No palco da final da Supercopa, as peças estão esgotadas. Trata-se de um crescimento de 20% em relação ao modelo de 2019.

O Flamengo estreará o novo uniforme diante do Athlético-PR, domingo, às 11h (de Brasília), no Mané Garricha, e a vigília na Capital Federal segue em busca de novos uniformes. Só os brasilienses compraram 1.500 camisa nesta sexta-feira. Manaus, Belém, Vitória da Conquista, Juiz de Fora, Aracaju e Vitória puxam o ranking de vendas na sequência.

Ao todo, são 81 lojas oficiais receberam com exclusividade a camisa rubro-negra, além de duas máquinas de auto-atendimento no Rio de Janeiro e vendas online.

Os lojistas trabalham com fornecedores para abastecimento ainda maior na próxima semana. A previsão é de que após o lançamento da camisa e das finais em sequência a procura seja maior. A expectativa do clube e dos representantes é de que 2020 marque o recorde de vendas de uniformes por conta da abertura de lojas oficiais ao redor do Brasil. Desde janeiro de 2019, são 32 novos pontos de vendas exclusivos do Flamengo através do novo projeto de licenciamento.

*Em Vitória da Conquista, a Loja Nação Rubro Negra fica no Shopping Conquista Sul.

Por Cahê Mota — Rio de Janeiro
Fonte: G1