O presidente Jair Bolsonaro avalia aumentar a pressão sobre o ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, a partir desta semana, segundo o jornal Folha de São Paulo.

A intenção do presidente é forçar o ministro a pedir demissão do governo, o escanteando de reuniões e retirando ele de decisões importantes sobre o combate à Covid-19.A decisão de Bolsonaro se deu após Mandetta perder o apoio da ala militar do governo em função da entrevista que concedeu ao Fantástico, da TV Globo, no domingo, partindo para o confronto contra o presidente.

Ainda de acordo com a publicação, Bolsonaro ainda não quer demitir Mandetta para evitar que ele deixe o governo com a imagem de mártir.

Informações: Bahia notícias.