A polícia suspeita que o empresário Igor Souza de Carvalho, de 33 anos, encontrado morto a tiros na manhã de terça-feira (5), na Fazenda Três Irmãos, localizada na zona rural de Ilhéus, sul da Bahia, tenha sido vítima de um crime passional.

Segundo o delegado Helder Carvalhal, titular da Delegacia de Homicídios da cidade, algumas testemunhas prestaram depoimento na terça-feira e outras pessoas ainda serão ouvidas nesta quarta.

Anteriormente, foi divulgado que a vítima estaria desaparecida desde domingo (3), entretanto o delegado falou que o empresário teria passado a noite de réveillon em Maraú, também no sul do estado, com a namorada, e teria chegado à fazenda onde ocorreu o crime na segunda-feira (4). O imóvel pertence à família da namorada da vítima.

Na manhã de terça-feira (5), dia do crime, ele tentou sair da fazenda, mas o carro dele não funcionou. Igor então foi até a cidade vizinha, Uruçuca, retornando com um mecânico e um eletricista, que também não resolveram o problema no automóvel.

Ainda segundo o delegado, Igor esperava um irmão chegar de Itabuna para levá-lo de volta à cidade, quando um carro de cor preta chegou à fazenda. Um homem desembarcou do banco do carona e, de longe, disparou contra ele.

A Polícia Civil realizou a perícia no local e removeu o corpo da vítima. O corpo do empresário será sepultado na tarde desta quarta-feira (6).